domingo, 30 de janeiro de 2011

Como armazenar o vinho

06 dezembro 2010

Para desfrutar uma boa garrafa de vinho, fatores como a marca e o ano da colheita ajudam, mais não são os únicos. A forma como se armazena o vinho também é importante e merece cuidado.

São seis características de armazenamento que merecem atenção, vamos falar um pouco sobre cada uma delas:

Local: Deve ser escuro, pois a exposição contínua a qualquer tipo de luz pode alterar o sabor e o aroma do vinho. Evite guardar as garrafas próximas a fontes de calor e nunca em conjunto com alimentos. Se não tiver uma despensa ou um armário fechado, guarde as garrafas numa caixa ou tape-as com um pano.

Temperatura: A temperatura ideal para guardar vinho são 12ºC e a temperatura máxima deve chegar a 24°C , se passar disso o vinho começa a oxidar e acaba estragando.

Umidade: Se o nível de umidade estiver muito baixo, as rolhas vão secar, o que permite a entrada de oxigênio na garrafa e a consequentemente a oxidação do vinho.

Posição: A forma mais apropriada para armazenar garrafas de vinho é horizontalmente. Ao manter as garrafas deitadas, as rolhas irão estar em contato permanente com o vinho, mantendo-as úmidas e intactas, o que inibe a entrada de oxigênio.

Movimento: Deixar próximo de eletrodomésticos, principalmente aqueles que têm uma ação vibratória, é desaconselhável. Se uma garrafa de vinho estiver sujeita a movimentos e/ou vibrações, estas podem contribuir para a alteração e deterioração do vinho.

Tempo: Nem todos os vinhos melhoram com o tempo, o que significa que praticamente todos os vinhos têm um prazo de validade que deve ser respeitado. A maioria dos vinhos tintos podem ser armazenados entre 2 e 10 anos; já os vinhos brancos têm um prazo de vida menor, entre 2 e 3 anos.

Postar um comentário