quinta-feira, 19 de agosto de 2010

Tendência: alho negro

Este sim é a atual vedete da vez. Não há nada que pipoque mais na internet que o alho negro e seu toque exótico nas receitas. Mas de diferente ele não tem nada. O alho negro é produzido a partir de um processo de fermentação do nosso conhecido e velho alho. Assim, ele libera melanoidina que lhe dá cor e ganha gosto adocicado, suave, lembrando tâmara e ameixa defumadas, se tornando uma iguaria à parte.

O alho negro já era comum na culinária japonesa, tailandesa e coreana, mas atravessou os mares apenas em 2008, chegando aos EUA. No Brasil apareceu em 2009 e também só prosseguiu ganhando as cabeças dos chefes porque a administradora Marisa Ono conseguiu reproduzir o seu processo de produção e até então ela segue como queridinha dentro os principais restaurantes no país.
Acompanhamentos: http://receitas.uol.com.br/ 
Postar um comentário